terça-feira, 28 de maio de 2013

World of Warcraft

 




World Of Warcraft, ou WoW para os íntimos, é o maior MMORPG da atualidade, ao menos no número de jogadores. Lançado em 2004, é o carro-chefe da Blizzard, e dos RPGs online em geral, sendo sinônimo de noites mal dormidas e pessoal com higiene questionável. Mas no meio de anões, elfos, e trolls da mandinga, há alguns segredos no mínimo bizarros. (Observação: Usarei os nomes da versão brasileira do jogo para caso alguém queira se aventurar procurando esses locais) No meio da Trilha do Vento Morto, um local sinistro onde as árvores tornam-se pedra e demônios perambulam soltos, há a Torre de Marfim de Karazhan, que foi construída num terreno com a forma de uma caveira humana. Seu único dono, Medivh, morto a anos, agora assombra seus corredores, junto com vários nobres e seus servos. Se fosse só isso, já seria bastante assustador. Mas não daria um artigo, oh não. Tem algo bem pior ali. Um pouco depois da torre, há uma igreja e um cemitério. Nesse cemitério, há uma cripta, lacrada. Mas com alguns glitches e bugs, nós conseguimos entrar nela, como verdadeiros exploradores de tumbas!



.

O mais estranho é que há algo por trás do portão! Há uma dungeon, provavelmente descartada no desenvolvimento do jogo. Dentro dela, temos lugares interessantes, como o Poço dos Esquecidos, a Tumba do Impenitente, ou o meu favorito, “Os Pecadores de Ponta-Cabeça”. Quem são eles, vocês devem estar se perguntando? 

E...Wow (Sem trocadilhos!)... Tem horas que é melhor não saber. Mas esse aqui é o MEDO Oculto e a gente adora fuçar onde não deve nos jogos e nas teorias deles!
Pois bem, nesse cômodo, temos vários pecadores, acorrentados, tanto pelo pé (na posição da clássica carta de tarô) quanto pelo pescoço. Alguns não tem braços, pernas, ou mesmo olhos.
Nas ruinas da antiga capital do Reino Humano, Lordaeron, temos algo igualmente assustador. Na sala do trono, que fãs da série conhecem bem (foi onde Arthas, príncipe e primeiro Cavaleiro da Morte, matou seu pai, Rei Terenas Menethil II), podemos ver alguns resquícios do assassinato. Uma leve trilha de sangue seco.
                                                                 
Tem mais, claro. Se você abaixar o volume da música e aumentar o volume dos sons ambientes, pode ouvir as últimas palavras do Rei Terenas, alguns sussurros na corte, e até mesmo um leve burburinho, de quando Arthas retornou ao reino..
E por último (Por enquantooo!!! Há MUITO mais coisas sinistras no WoW, mas vamos nos ater a essas três, por enquanto), as crianças de Vila d’Ouro (o nome mais Brasil Colônia de qualquer MMO).
Na Vila, uma cidade para iniciantes, temos uma singela casa com instrutores de couraria e esfolamento. No segundo andar dessa casa, as 7 da manhã, é possível ver seis lindas crianças, estariam elas brincando no quarto?
 

Obviamente se você traçar uma linha sobre onde elas estão, será possível perceber que a posição delas forma... Um pentagrama. A razão? Como sempre, ninguém sabe! Essas crianças de hoje e seus joguinhos!
O grupo dai da casa e pelas ruas da cidade, sem nunca sair de seu pequeno culto. Se você as acompanhar, é capaz de ouvir a voz de C’Thun, um demônio do jogo, dizendo “You... will... DIE!” (N/T: Você... Irá... MORRER!), ou algum grito sombrio.

---------------------------

Quem disse que Warcraft era só matar e matar monstros?